quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Revolution


Um apelo hoje aqui. Se há direito ao grito, então eu grito. Não podemos ficar com ideias presas na garganta, é muito perigoso para saúde, tanto física quanto espiritual. Podemos perceber que no mundo há muitas coisas erradas. Todas as pessoas fazem coisas erradas, e as vezes é tão cômodo errar que elas nem tentam se corrigir. Mas nada de bom pode ser construído em cima de maus hábitos. Eu por exemplo, procuro eliminar da minha vida todas aquelas coisas dispensáveis das quais nos apegamos tanto. Se segue alguns exemplos: 'FALAR MAL DOS OUTROS', 'ROER AS UNHAS', ATRAVESSAR A RUA NO SINAL VERDE, CORRENDO', 'JOGAR AS SOBRAS DA COMIDA NO LIXO' etc, etc. A sociedade de maneira geral está muito acomodada com as verdades impostas. Todo mundo aceita o que o presidente fala (nada contra o presidente, ok?), todo mundo sabe que é errado falar mal dos outros mais é uma coisa tão automática que nem se importam em continuar falando. Todo mundo sabe que é importante votar, mas grande parte das pessoas votam nulo alegando não ter boas opções de voto. Todo mundo reclama do congestionamento no trânsito, mas ninguém deixa o carro de lado para ir ao trabalho de bicicleta. Nem eu. É por esse motivo que fiz esse post, para passar uma nova visão do mundo para as pessoas que lêem o blog (aliás, obrigada quem está acompanhando :D), e para reforçar essa ideia na minha cabeça. Parece que saiu um grande peso da minha conciência, e um grande nó da minha garganta. Que sede.

5 comentários:

Ana Paula disse...

Post bem interessante! Temos que aprender a falar mais, a dizer quando não gostamos de alguma coisa, quando queremos mudar algo também, e não ficar aceitando as coisas forçados. Temos que ter mais voz ativa.

RESPONDENDO AO SE COMENTÁRIO: Esses dias eu vi uma menina na rodoviária com o pulso cheio dessas pulseiras. Eu acho assim, há muitos meios de comunicação hoje em dia, e só não sabem dessa brincadeira quem não quer, e tá mesmo a fim de correr o risco, ai depois que acontece algo, realmente querem pagar de vítimas, dizem que não sabiam de nada, etc etc etc. Acho ridículo certas atitudes das pessoas de hoje em dia.



Beijo.

sponge bob disse...

Eu ja cansei de tanto de falar essas coisas, que deixei pra quem ainda tem saco (vontade) pra isso.
Mas é bem interessante!

Desirée disse...

Realmente, nós fazemos isso.
e é tão estranho falar disso, porque é tão dificil sair do "faço o que eu diso, não faça o quie eu faço", e muitas vezes por conta disso parecemos hipocritas, né?!


mas enfim.. feliz natal! ;)

Miilla disse...

É importante as pessoas se policiarem nesses atos.

Fabiano Mayrink disse...

Hoje é véspera de um dia muito especial então vim aqui espalhar alegria e desejar um natal repleto de felicidades, um enorme abraço!

fico lindo!!